Associado
ASERC - Associação Nacional das Empresas de Recuperação de Crédito

Informativo

Publicado em 12/12/2017 08:23

Por que o consórcio te ajuda a economizar?

O consórcio, além de ser uma ótima opção de investimento para qualquer pessoa, também é indicado para pessoas que possuem dificuldade em economizar

O consórcio, além de ser uma ótima opção de investimento para qualquer pessoa, também é indicado para pessoas que possuem dificuldade em economizar, para compras de alto valor agregado como um carro, uma casa e até mesmo uma moto.

Por se tratar de um investimento a médio ou longo prazo, o consorciado paga as prestações sem sentir o impacto na sua vida financeira, uma vez que se planejou para isso. Mas existem outros fatores que, somados, ajudam na economia do dinheiro. Confira neste post!

Você não paga juros

Quando você opta por um investimento em que há incidência de juros fica muito mais difícil economizar no fim do mês. Isso porque você acaba pagando mais pelo bem do que gostaria.

Diferentemente de um financiamento, no consórcio você não precisa se preocupar com isso. Você só precisa contar com uma administradora séria, autorizada pelo Banco Central, escolher o melhor plano que se encaixa no seu orçamento e iniciar o seu investimento.

Poupança planejada

Nem sempre sobra dinheiro no fim do mês para colocar na poupança, não é mesmo? No consórcio, você assume pequenas parcelas mensais, cujo valore foi decidido por você antes de fechar o contrato.

É um investimento seguro

Quando você investe na bolsa de valores ou em outras modalidades mais arriscadas, é preciso contar com a possível perda de dinheiro. No consórcio, não. Seu dinheiro não desvaloriza, pois a carta de crédito acompanha o reajuste do bem.

Com isso, é mantido o poder de compra das cotas não contempladas. Dessa maneira, você não sai perdendo. Além disso, a modalidade é regulamentada pelo Banco Central, e possui regras transparentes.

Você não precisa ter uma reserva de dinheiro

É comum, num financiamento, por exemplo, ter que dispor de um valor significativo de entrada para adquirir um apartamento. Por mais que você tenha uma quantia guardada, ter que investir esse dinheiro todo de uma vez pode gerar sacrifícios, como ver as contas no limite por muito tempo até a vida financeira se normalizar.

No consórcio, você não precisa disso, pois não requer valor de entrada. Uma dica é usar o dinheiro que você possui guardado para oferecer em lances futuros ou até pagar antecipadamente algumas parcelas.

Possibilidade de diversificar o investimento

Não é novidade que diversificar o investimento é importante para garantir melhor rentabilidade. No consórcio, você pode conquistar sonhos que pareciam distantes como construir imóveis para venda, investir em imóveis na planta ou até mesmo comprar terrenos.

Segundo dados da Associação Brasileira das Administradoras de Consórcio (ABAC), quem entra em um consórcio economiza 4,5 vezes mais do que guardaria se abrisse uma poupança.

O consórcio é mesmo a alternativa ideal para quem deseja poupar e tem dificuldade, certo? A partir dele, você pode conquistar sua independência financeira de maneira segura e se planejar para o futuro.

Fonte: http://abac.org.br/sistema/noticiasTextuais/1_(201712054225)primo_rossi.pdf