Associado
ASERC - Associação Nacional das Empresas de Recuperação de Crédito

Informativo

Publicado em 15/02/2018 09:12

Como trocar de carro após a contemplação?

Veja o que fazer para ter um carro diferente do contrato após a cota ter sido contemplada

Um das maiores vantagens do Consórcio é ter a possibilidade de ter qualquer carro mesmo tendo escolhido um carro “X” para fazer o seu plano. As parcelas sofrerão reajustes para que você possa ter o carro desejado sem maiores problemas. Mas e se a vontade de trocar de carro vier somente depois do sorteio da cota ou de um lance vencedor? É possível trocar de carro após a contemplação? Veja abaixo!

Como trocar de carro após a contemplação

Sim, é possível mesmo após ter a cota contemplada realizar a troca de carros. É um procedimento totalmente legal, e no consórcio ele é conhecido como “substituição de garantia”. É basicamente a troca do carro que está no contrato do plano por um novo que você decidiu comprar.

O primeiro passo após tomar essa decisão, é entrar em contato com a administradora e conversar com um consultor de pós-venda. Nesse momento o carro ainda está atrelado ao nome da administradora, porque você ainda não usou a sua carta de crédito. Para que a substituição de garantia seja efetivada, serão necessários alguns pré-requisitos:

  • Dependendo da Administradora de Consórcios, existe a cobrança de uma taxa, que varia de R$ 350,00 a R$ 500,00. Veja com a sua administradora qual o valor da taxa cobrada por eles;

  • O carro novo precisa ter o mesmo ou valor maior que o carro que está descrito no contrato. Caso ele tenha um valor maior, essa diferença deverá ser paga diretamente na concessionária, como um complemento à carta de crédito;

  • Se o carro que você quer for um seminovo, deve ter no máximo 5 anos de fabricação. Por exemplo, para o ano de 2018, carros até 2013 são aceitos.

A troca de garantia é só mais um dos inúmeros benefícios que o Consórcio oferece aos seus participantes. Entre eles podemos citar a isenção total de juros nas parcelas sem precisar pagar nenhuma taxa de entrada.

Fonte: http://www.jornaldoconsorcio.com.br/como-trocar-de-carro-apos-contemplacao