Associado
ASERC - Associação Nacional das Empresas de Recuperação de Crédito

Informativo

Publicado em 07/05/2014 09:41

Redução do IPI para veículos deve terminar em julho

Governo sinalizou que alíquota menor deve acabar em 1.º de julho

O governo sinalizou que a redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para veículos vai terminar em 1º de julho, afirmou nesta terça-feira (6) o presidente da Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores ), Luiz Moan. Dessa forma, a alíquota, que atualmente está em 3%, deve passar para 7%.

O IPI para carros foi reduzido com o objetivo de estimular a economia por meio do consumo e de ajudar o setor automotivo, que vem passando por uma fase de declínio na produção e nas vendas. Ficou decidido que o imposto seria recomposto gradualmente - primeiro em janeiro, depois em julho. O governo cogitou prorrogar a redução do imposto, a pedido do setor, mas a ideia foi descartada.

Moan esteve reunido hoje com técnicos do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio e representantes do governo da Argentina para discutir formas de destravar o comércio entre os dois países. Como metade das exportações do Brasil para o vizinho é de carros, o setor automotivo tem sentido fortemente a queda no fluxo de comércio entre os países.

Os dois governos estão estudando formas de financiamento e outras medidas que ajudem a retomada do crescimento do comércio bilateral. As reuniões técnicas vão continuar na quarta-feira, no Ministério do Desenvolvimento.

http://www.jornaldelondrina.com.br/economia/conteudo.phtml?tl=1&id=1466930&tit=Reducao-do-IPI-para-veiculos-deve-terminar-em-julho