Associado
ASERC - Associação Nacional das Empresas de Recuperação de Crédito

Informativo

Publicado em 30/04/2015 09:58

Copom eleva Selic a 13,25% conforme esperado pelo mercado

O Banco Central subiu a taxa básica de juros em 0,50 ponto percentual nesta quarta-feira, para 13,25 por cento ao ano, sem viés, em decisão unânime, em linha com as expectativas do mercado.

O Banco Central subiu a taxa básica de juros em 0,50 ponto percentual nesta quarta-feira, para 13,25 por cento ao ano, sem viés, em decisão unânime, em linha com as expectativas do mercado.

Dando prosseguimento ao atual ciclo de aperto iniciado em outubro, o Comitê de Política Monetária (Copom) do BC assinalou em comunicado que a decisão foi tomada avaliando o cenário macroeconômico e as perspectivas para a inflação.

Em pesquisa da Reuters, 42 dos 48 economistas consultados previam alta de 0,50 ponto percentual para Selic, em meio aos esforços da autoridade monetária para combater o avanço da inflação.

Selic chega ao maior patamar desde dezembro de 2008

Com o reajuste, o Selic atingiu o patamar mais alto desde dezembro de 2008 --quando estava em 13,75 por cento ao ano.

“Avaliando o cenário macroeconômico e as perspectivas para a inflação, o Copom decidiu, por unanimidade, elevar a taxa Selic em 0,50 p.p., para 13,25 por cento ao ano, sem viés”, informou o Comitê de Política Monetária (Copom) do BC, em comunicado.

A decisão do BC dá sequência ao ciclo de aperto monetário iniciado em outubro, quando elevou a Selic em 0,25 ponto percentual, em decisão surpreendente e que contou com apoio de todos os membros do Comitê. No encontro de dezembro, o Copom acelerou o ritmo e elevou a taxa em 0,5 ponto percentual, elevando novamente a Selic em 0,5 ponto percentual nas reuniões de janeiro e março.

Em março, o avanço dos preços medidos pelo IPCA acelerou a 1,32 por cento, acumulando alta de 8,13 por cento em 12 meses, bem acima da meta do governo de 4,5 por cento, com margem de 2 pontos para mais ou para menos.

O BC vem reforçando o compromisso de se manter vigilante com a alta dos preços na economia, prevendo uma convergência para o centro da meta no final do ano que vem.

A reunião foi a primeira do Copom que contou com os votos dos novos diretores Otávio Damaso, de Regulação, e Tony Volpon, de Assuntos Internacionais. Ex-economista do banco Nomura, Volpon era crítico contumaz da política anterior do BC, de juros baixos.

 

http://www.gazetadopovo.com.br/economia/copom-eleva-selic-a-1325-conforme-esperado-pelo-mercado-2pz51oxkkkwjhnnriba0743p8