Publicado em 29/09/2020 10:00

Como reduzir a quebra de acordo?

Tudo o que você precisa saber para minimizar a perda de recuperação de crédito durante a crise

A pandemia do novo coronavírus e a crise que atingiu o nosso país tem feito com que os escritórios de cobrança repensem as estratégias para minimizar a alta queda na taxa de recuperação de crédito. Essas estratégias têm como objetivo garantir o equilíbrio financeiro de todo o procedimento.

Nesse caso, algumas estratégias podem ser implementadas como: um aumento no volume nas ações de cobrança digital, intensificar o envio de boletos ou até mesmo a redução do time de operadores de crédito.

Quebra de acordo

A partir do momento em que um cliente realiza o pagamento da primeira parcela da negociação, um acordo é oficializado e espera-se que novos pagamentos sejam realizados até a quitação total do débito. 

Mas a realidade é de que 50% dos clientes que realizam um acordo realmente cumprem com o mesmo. A taxa de quebra de acordo tende a crescer a partir do pagamento da primeira parcela. 

Os motivos da quebra de acordo variam entre: uma dificuldade financeira do cliente, que por isso prioriza o pagamento de outras contas, ou pelo fato de ter seu nome limpo com o pagamento da primeira parcela. Quando o devedor possui mais de uma dívida em seu nome, o pagamento da primeira parcela não é o suficiente para limpar seu nome.

A gestão da dívida é realizada por parte da recuperadora de crédito a partir do pagamento da primeira parcela, até que o cliente quite a mesma por completo. O objetivo a longo prazo é aumentar o colchão de acordo, o que possibilita a garantia do recebimento das comissões.

Crise financeira

A crise instalada no Brasil vem aumentando a porcentagem de quebras de acordo, evidenciando as dificuldades financeiras do cliente devedor. 

A estratégia das empresas de recebíveis encontra-se em manter os processos de comunicação e cobrança bem estabelecidos, garantindo um contato direto e frequente com o cliente devedor. Isso aumenta as chances de uma negociação e recebimento da dívida. 

Adaptando-se ao novo cenário, a Agiliza Recebíveis, empresa especializada nos serviços de gerenciamento de carteiras de cobranças administrativa e judicial, oferece serviços que permitem identificar qual o telefone está sendo utilizado pelo cliente devedor no momento, o que aumenta as chances de sucesso no contato.

Você faz parte de uma empresa de cobrança e deseja terceirizar este serviço? A Agiliza Gestão de Recebíveis pode te ajudar. Ligue (43) 3878-7000  

Solicite mais informações

Estamos sempre a disposição